Data/Hora: Quarta Out 22, 2014 3:08

Todos os horários são GMT




 responder  [ 36 mensagens ]  Ir para página 1, 2  Próximo
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 13:30 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
Quimicamente, trata-se de um equilíbrio (pH) que não é muito afectado pela adição de moléculas “destabilizadoras”, sempre que esta for feita em quantidades “controladas”.
É obvio que a coisa é muito mais complexa que isto, mas, serve a anterior frase para explicar porque chamo efeito tampão a um fenómeno que tenho observado desde sempre na sociedade lusa em especial, nas esferas mais reduzidas e especializadas como são o mundo do vinho. Em muita coisa me faz lembrar este princípio químico!
Socialmente, o que é?
1º Tampão directo:
Consiste no silêncio que certos temas despertam. Na falta de resposta. Na ausência de discussão, principalmente quando se trata de apontar o dedo a alguém ou a algo! De criar discussões que no limite podem provocar uma mudança de atitude!
Normalmente, quem é afectado, não discute e quem poderia ganhar com a discussão, também não! E pronto, cala-se tudo em on. Mas em off continuamos todos a queixarmo-nos da vida e que “ninguém” faz nada para mudar as situações escandalosas! Mas quando é chegada a hora de piar, assobiamos e viramos a cara para o lado!
Dou um exemplo, só para concretizar! Muitos mais haveria, este sai somente porque me meti ao barulho e recolhi directamente algum feedback!
Se não me falha a memória, em Novembro ou Dezembro passado, no espaço de opinião reservado ao João Paulo Martins, o autor decidiu falar sobre Enólogos Consultores. Tirando o primeiro terço do texto, discordei em absoluto com o resto. Mais, senti-me revoltado com ele, pois na minha opinião, ele tinha perdido uma belíssima oportunidade de expor uma realidade que em alguns casos, eu, considerava vergonhosa, escandalosa e obscena! (as razões não interessam agora para aqui!).
Resolvi escrever a minha visão da coisa e publiquei-a no meu blog, ao mesmo tempo que a enviei à revista de vinhos (http://wizardapprentice.blogspot.com/20 ... tores.html). Para tornar a coisa mais credível e honesta, deixei de assinar o blog como Wizarap e passei para Hugo Mendes. Assim, todos saberiam quem era o emissor da opinião!
Quando o Luís Lopes Ramos me disse que a carta ia ser publicada na revista (espaço do leitor de Março, acho eu!). Achei que a liça ia começar: medo, ansiedade, revisão dos argumentos, preparação para o embate, mas… nada! Nem uma resposta foi publicada até hoje, nem um comentário li sobre o assunto, contra ou a favor, ali ou noutro lado qualquer! Aparentemente, não aconteceu nada!
O silêncio nada nos diz e o tampão só favorece quem tem a perder com a mudança! Mas como aparentemente era o único “incomodado” com a situação, ninguém teve necessidade de expor argumentos! Não houve necessidade de discussão, ponto!
Bem, isto em on… porque em off, posso-vos garantir que durante 6 meses não fui a lado nenhum de cariz vínico que não me abordassem a falar na bendita carta, uns a favor, outros mais ou menos, … quem poderia estar contra, não me deu importância nenhuma (e acho que fizeram muito bem!)
E a história morreu!
2ª Tampão Indirecto:
Constato que os novos veículos de informação estão a ser utilizados de uma forma que não acrescenta valor ao que já existe. Nos blogs, facebook, twitter e afins, não aprendemos nada de novo, não temos opiniões frescas. Para além de provas de vinho (que já tinha-mos nas revistas, guias e sites oficiais!), ficamos a conhecer pouco mais que os gostos musicais de cada um. São novas formas de fazer… silêncio!
Para piorar, vivem-se experiências de verdadeiro autismo. Eu posto, mas não comento os post dos outros e, não reparo que ninguém comenta os meus! Vou ler, mas não comento! Não falo, sou um fantasma! Passo por lá, mas não digo que estive aqui! (Nunca se sabe quando este vai cair em desgraça e depois a situação fica no mínimo incómoda para a minha infalibilidade!)
Nos fóruns pouco mais à frente vamos: quando o tema é delicado e fracturante, uns postam, dois ou três comentam e o resto lê e fica sentado á espera que o sangue corra! Não há contributo nem participação!
Isto, na minha opinião, são as formas actuais do efeito tampão associado aos vinhos! O malefício que lhe vejo é mais que evidente, não?

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 14:02 
Avatar do utilizador

Registado: Quinta Fev 12, 2009 10:15
Mensagens: 3934
Localização: Ibéria Ocidental
Hugo, tens uma certa zarão, mas isso não é um fenómeno português, há quase 15 anos que participo em fóruns de vinho internacionais e esse fenómeno é normal. apenas há mais confronto de ideias quando há mais massa crítica, aí a pequena percentagem que participa traduz-me apesar de tudo num número muito grande.

não te esqueças de que para participar activamente nestas coisas é preciso tempo, muito tempo. e isso por vezes falta.

também é preciso vontade, e isso falta ainda mais.

mas cá vamos indo, e já tivemos boas discussões


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 14:27 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
xarax Escreveu:
Hugo, tens uma certa zarão, mas isso não é um fenómeno português, há quase 15 anos que participo em fóruns de vinho internacionais e esse fenómeno é normal. apenas há mais confronto de ideias quando há mais massa crítica, aí a pequena percentagem que participa traduz-me apesar de tudo num número muito grande.

não te esqueças de que para participar activamente nestas coisas é preciso tempo, muito tempo. e isso por vezes falta.

também é preciso vontade, e isso falta ainda mais.

mas cá vamos indo, e já tivemos boas discussões


Xarax,
Eu percebo o que dizes e aceito, obviamente, é uma questão percentual!
E sim, tem-se discutido muita coisa interessante!
Mas, se te quiseres cingir aos fóruns, não acho normal, para te dar um exemplo recente, que, quando se discute sobre crítica profissional Vs crítica amadora (à falta de termos melhores), tenha-mos envolvido na discussão, dois profissionais e dois ou três bloggers. Contudo, no post ao lado está todo o mundo entretido a chamar idiota ao Gary Vaynerchuk porque este afirmou que o Crasto tem madeira a mais! Não discuto a legitimidade das discussões ou das afirmações mas sinto alguma incoerência em tudo isto!
A massa critica é de facto reduzida, mas existe, pelo menos, em numero suficiente para discutir idiossincrasias vãs!

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 14:28 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
Hugo Mendes Escreveu:

Constato que os novos veículos de informação estão a ser utilizados de uma forma que não acrescenta valor ao que já existe. Nos blogs, facebook, twitter e afins, não aprendemos nada de novo, não temos opiniões frescas. Para além de provas de vinho (que já tinha-mos nas revistas, guias e sites oficiais!), ficamos a conhecer pouco mais que os gostos musicais de cada um. São novas formas de fazer… silêncio!
Para piorar, vivem-se experiências de verdadeiro autismo. Eu posto, mas não comento os post dos outros e, não reparo que ninguém comenta os meus! Vou ler, mas não comento! Não falo, sou um fantasma! Passo por lá, mas não digo que estive aqui! (Nunca se sabe quando este vai cair em desgraça e depois a situação fica no mínimo incómoda para a minha infalibilidade!)
Nos fóruns pouco mais à frente vamos: quando o tema é delicado e fracturante, uns postam, dois ou três comentam e o resto lê e fica sentado á espera que o sangue corra! Não há contributo nem participação!
Isto, na minha opinião, são as formas actuais do efeito tampão associado aos vinhos! O malefício que lhe vejo é mais que evidente, não?


Ao contrário do que o Xarax diz eu entendo que o problema é muito mais que falta de tempo; o tempo administra-se e nenhum adulto morre se dormir 5 ou 6 horas por dia; sobra sempre tempo quando é para insultar os outros ou fazer provocações mesquinhas.

O problema em assumir discussões é falta de "tubaros" ; durante décadas o sistema vigente especializou-se em calar as pessoas, inclusive pela tortura e pela prisão.

Esses tempos negros foram substituídos por outro, a grande farra desta democracia; ou seja uma mistura de pseudo educação onde as pessoas são levadas a "não pensar" acrescida de alienação mediática em grande escala.

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


última vez editado por Jose_Carlos s Quinta Dez 03, 2009 17:04, editado 1 vez no total

Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 14:33 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
EM TEMPO e IMPORTANTE;

Há que reconhecer ao proprietários do fórum e á moderação, que se falta discussão não é por culpa deles. São um exemplo de tolerância democrática. Talvez o mesmo não se possa dizer de todos os forums que por aí andam.

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 14:56 

Registado: Domingo Fev 15, 2009 14:45
Mensagens: 287
Localização: Alcochete
Hugo, o mundo do vinho não é mais que uma réplica da nossa sociedade. Nem mais nem menos. Temos uma sociedade pequena, onde todos se conhecem e acredita que a reduzida dimensão é, em muitos casos, um factor importante nesse efeito tampão.

Depois referes que não existe opninião fresca. O que é para ti opinião fresca?

_________________
Pingus Vinicus em Pingas no Copo
http://pingasnocopo.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 15:07 

Registado: Sábado Mar 14, 2009 18:50
Mensagens: 719
Localização: Paris
Pessoalmente tambem gostaria de que o forum tivesse mais participaçao.
De facto ja me aconteceu abrir um topico, sem que ninguem comentasse passados varios dias.
Acho que o Xarax resumiu bem as causas deste fenomeno.
Para contrariar esta situaçao, poderiamos propor soluçoes.
Deixo aqui uma proposta a equipa da RV.
Poderia-se organizar uma vez por mês, uma sessao no forum em que uma personalidade do mundo do vinho (produtor, enologo, tecnico de viticultura, distribuidor, etc...) viesse conversar durante uma ou duas horas com os floristas. Na RV do mês anterior publicava-se o anuncio na RV. Talvez isso traria mais pessoal ao forum e passado algum tempo se atingisse uma massa critica capaz de tornar o forum mais vivo.
Fica a sugestao.

_________________
Experiências unicas no sopé da Serra da Estrela
http://vinhotibicadas.blogspot.com


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 15:20 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
Rui Miguel Escreveu:
Hugo, o mundo do vinho não é mais que uma réplica da nossa sociedade. Nem mais nem menos. Temos uma sociedade pequena, onde todos se conhecem e acredita que a reduzida dimensão é, em muitos casos, um factor importante nesse efeito tampão.

Depois referes que não existe opninião fresca. O que é para ti opinião fresca?


Como responder?
Primeiro, compreende que não sou eu que tenho de te encontrar essas respostas! É uma procura individual de quem quer comunicar a prova de vinhos! Eu não quero!
Se eu tivesse as respostas aplicava-as ou vendia-as!
Mas dou-te parte daquilo que me estimula ver e ler! Tudo o que tem uma abordagem diferente. Para não recorrer sempre ao famigerado Gary V (aceite-se ou não, o paradoxo do pensar fora da caixa!), dou-te o exemplo nacional do site do Rui Falcão, que, com grande pena minha o descuidou e, no qual podia, amiúde ler coisas diferentes, escritas com um português brilhante e de um ângulo diferente (é a minha opinião e, vale o que vale!).
Mais, seria cair novamente numa discussão que foi encerrada há pouco tempo por falta de mais contributos!
Espero ter-te elucidado!
Abraço!

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 16:41 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
Só para colocar um bocado de gasolina na fogueira;

http://www.novacritica-vinho.com/forum/ ... php?t=9128

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 17:51 

Registado: Quinta Fev 12, 2009 14:33
Mensagens: 1121
OK, passo por cima da deselegância de colocar em dois locais precisamente a mesma reflexão.
Penso que o Hugo Mendes tem uma certa razão quando aponta a falta de discussão neste e noutros foruns. As pessoas possivelmente têm medo de se expor e a verdade é que também quando a discussão aquece quase sempre se esquecem as ideias e se passa a discutir as pessoas, as suas possíveis (ou imaginadas ) motivações, privilegiando-se normalmente a forma e desprezando os conteúdos da conversa. É fatal como o destino.
Sobre a sua decepção com o mundo dos blogs não comento mais, já dei o suficiente para esse peditório e não me parece que a situação actual tenha melhorado (antes pelo contrário) do que aquela que na altura denunciei.

Agora indo ao âmago das suas preocupações, expostas na sua carta à RV e no link indicado, acho que o Hugo tem e não tem razão. Tem razão quando diz que haverá consultores que acumulam demasiadas avenças, dispensam pouco tempo a cada uma delas e caem muitas vezes na tentação de fazer vinhos praticamente iguais um pouco por todo o lado. Isso acontece a meu ver mais em casa daqueles produtores absentistas (chamemos-lhes assim) que não tendo disponibilidade, vontade ou capacidade para definirem o que querem com o vinho que leva o seu nome, entregam essa tarefa a um nome mais ou menos sonante, convencidos que estão que isso compensa a debilidade geral do projecto. Não compensa, conforme estamos todos a ver e a actual crise encarregou de ampliar esses sinais.
Onde acho que o Hugo não tem razão é quando evoca uma quase "luta de classes" entre enólogos consultores e enólogos residentes, quase pedindo a estes últimos que se revoltem e façam uma revolução sob o lema da estrofe da Internacional: «de pé ó vítimas da fome...» (estou a exagerar, obviamente)
Que há enólogos residentes exploradíssimos, não me custa nada admitir, tal como há em muitas profissões, estagiários e profissionais juniores com estatuto abaixo de cão. Infelizmente, isso parece ser próprio da natureza humana.
Mas o meu ponto é que a mudança que o Hugo reclama - o reconhecimento do trabalho do enólogo residente – depende menos de nós (quer sejamos críticos ou simples consumidores) que dos produtores que põem o vinho cá fora e … dos próprios enólogos residentes. Não há estatutos conquistados por decreto. Tem que ser a força de vontade, a capacidade técnica, o engenho e o (muito) trabalho do enólogo a poder impor-se primeiro sobre o seu patrão produtor e depois sobre os outros colegas de produção. E se ele descobre que está num sítio em que as circunstâncias não permitem a real afirmação do seu valor, arrisque-se, mude-se de casa, parta-se para outra, sacrificando-se às vezes uma certa segurança em prol do seu crescimento enquanto profissional. Os que não se acomodam, como parece ser o caso do Hugo pelas preocupações que manifesta, terão certamente, mais tarde ou mais cedo, a sua oportunidade.

_________________
JG


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 18:33 
Avatar do utilizador

Registado: Domingo Mar 01, 2009 9:29
Mensagens: 536
Localização: Porto, Portugal
joão geirinhas Escreveu:
(...) o Hugo Mendes tem uma certa razão quando aponta a falta de discussão neste e noutros foruns. As pessoas possivelmente têm medo de se expor (...)

Eu não enfio a carapuça… Se não participo mais é porque pouco ou nada sei da maior parte dos assuntos que aqui são colocados. Mas fiquem sabendo que os leio e releio para tentar aprender com quem sabe muito mais do que eu. E é por isso, e só por isso, que ando por cá.

_________________
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 18:47 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
O Hugo

Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe....

Vais levar aqui com discussão que nunca mais acaba :lol: :lol: :lol:

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 22:04 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
Caríssimo João Geirinhas:
Permita-me contrapor o seu argumento por tópicos:
Ponto 1:
Não entendo esse seu conceito de deselegância! Deixe que lhe diga que tem umas barreiras muito ténues! No limite, criar um fórum com a mesmíssima dinâmica de outro que já existia não é em si, MUITO DESELEGANTE?

Ponto 2:
O que me interessava discutir era o silêncio geral, não o do fórum nem o mesmismo dos blogs.

Ponto 3:
Citar:
As pessoas possivelmente têm medo de se expor e a verdade é que também quando a discussão aquece quase sempre se esquecem as ideias e se passa a discutir as pessoas, as suas possíveis (ou imaginadas ) motivações, privilegiando-se normalmente a forma e desprezando os conteúdos da conversa. É fatal como o destino.

Não o acusei disto há alguns dias?

Ponto 4:
Eu não estou decepcionado com os blogs, apenas acho que, tal como estão, não acrescentam muito! Não é problema meu, é deles se tiverem realmente aspirações a mais ou melhor!
Estou consigo numa coisa! Já teve o seu espaço de discussão! Não adianta martelar mais! Por agora!

Ponto 5:
Citar:
Agora indo ao âmago das suas preocupações, expostas na sua carta à RV

Desculpe? Não percebeu nada! Era um exemplo! Essa preocupação já foi, para mim está fechada! Contudo, não o deixarei, nunca, sedento por uma resposta, prometo!
Não entendo se a sua vontade é retirar alguma credibilidade à coisa ou… sei lá!
Mas o que diz, é no mínimo ridículo! Então eu só me posso impor quando estou a ser vítima (ou penso ser?)? Foram esses os princípios que o João recebeu? È assim que age? Só quando se sente ferido? Pois eu não, e, permita-me distanciar disso! (agora vai achar que estou no ataque pessoal, mas não estou! É o João que infirma que eu estou única e exclusivamente a defender a minha posição! Não imagina como não estou!).
O tempo, levou-me a concluir tal como o João que os produtores têm os técnicos que merecem e os residentes o lugar que trabalham para ter!
Agora diga lá o que pensa quanto ao “efeito tampão”!
Escuto!

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 22:09 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
Zé Carlos,
Como o meu amigo já tão bem sabe, eu, estou para as liças! Mas só aquelas em que acredito!

Ah e concordo com o que disse:

Citar:
Há que reconhecer ao proprietários do fórum e á moderação, que se falta discussão não é por culpa deles. São um exemplo de tolerância democrática. Talvez o mesmo não se possa dizer de todos os forums que por aí andam.


Abraço!

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 22:57 
Avatar do utilizador

Registado: Quinta Fev 12, 2009 10:15
Mensagens: 3934
Localização: Ibéria Ocidental
Hugo Mendes Escreveu:
Ah e concordo com o que disse:

Citar:
Há que reconhecer ao proprietários do fórum e á moderação, que se falta discussão não é por culpa deles. São um exemplo de tolerância democrática. Talvez o mesmo não se possa dizer de todos os forums que por aí andam.



Então não deverias concordar contigo próprio quando dizes:

Hugo Mendes Escreveu:
No limite, criar um fórum com a mesmíssima dinâmica de outro que já existia


eu acho que não tens razão, mas não vou alongar-me nesta discussão.


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 23:16 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Abr 11, 2009 17:45
Mensagens: 447
Localização: Santarém
xarax Escreveu:
Hugo Mendes Escreveu:
Ah e concordo com o que disse:

Citar:
Há que reconhecer ao proprietários do fórum e á moderação, que se falta discussão não é por culpa deles. São um exemplo de tolerância democrática. Talvez o mesmo não se possa dizer de todos os forums que por aí andam.



Então não deverias concordar contigo próprio quando dizes:

Hugo Mendes Escreveu:
No limite, criar um fórum com a mesmíssima dinâmica de outro que já existia


eu acho que não tens razão, mas não vou alongar-me nesta discussão.


É de facto bem observado!
Eu queria ter cortado a coisa no final da tolerância democrática! Mas agora já está! Paciência!
Realmente não me interessa discutir isso, acho que não é sequer questão. Eu participo aqui e no outro, não? Partindo do princípio que não estou coagido a faze-lo em nenhum, faço-o porque quero!
Para que não me voltem a tentar desacreditar pela dedelegância, devo dizer que também publiquei o texto no meu blog e que fiz a ele referência no facebook e no twitter!
Sinceramente, o que queria ver discutido era essa história dos silêncios, de quem os faz, porque os faz e se é benéfico faze-los! Mas isso, pelos vistos, só a mim me preocupa!

_________________
Hugo Mendes

http://www.twawine.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Quinta Dez 03, 2009 23:47 
Avatar do utilizador

Registado: Sábado Fev 14, 2009 11:51
Mensagens: 1619
Localização: where the streets have no name ;-)
Há coisas que para mim são claríssimas, mas reconheço que lido melhor com a rocket science que com a "pessoa humana".

Para mim, um fórum é como um café (ao estilo dos anos 40..70 do século passado): vai-se lá quando se tem tempo e apetece, trocam-se dois dedos de conversa, travam-se ou não discussões animadas, sem ser preciso sair de casa (um cibercafé é a casa de muitos, para não falar dessa chulice de todo o tamanho que é estar no local de trabalho como no cibercafé, mas isso é outra questão...).

O café tem dono, que lhe imprime um estilo, mas poderá a clientela ir traçando/sugerindo outros azimutes. Cada um sabe se se sente, ou não, bem por lá. O que me custa a encaixar é alguém chegar a um café e reclamar que não está a seu gosto: quando muito vai ao café ao lado se acha que é melhor ou abre um café ao seu estilo. É da livre (e da boa) iniciativa de que todos estamos carentes.
Um café ao gosto do próprio é o que na prática é um blog: o dono serve o que entende e lhe agrada, dando liberdade (ou não) a que se possa comentar (ou não) e até que esse comentário seja público (ou não).

Do que me tenho apercebido é que em qualquer tipo de café, ou melhor, num café de qualquer tipo, há os tais telhados de vidro, rabos de palha, etc., essas coisas que impedem pôr a boca no trombone, a bem da tranquilidade* porque, para sobressaltos, basta o dia a dia.

(*) É óbvio que estou a exagerar. Só uma parte do país não vive tranquila, e sobressaltos é coisa importada e/ou empolada pela comunicação social.

_________________
Luís Paiva

Never increase, beyond what is necessary, the number of entities required to explain anything.
William of Ockham (1285-1349), Luís Paiva (1950-20??) :mrgreen:


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 0:14 
Avatar do utilizador

Registado: Segunda Mar 16, 2009 21:40
Mensagens: 345
Localização: Leça da Palmeira
Hugo Mendes Escreveu:
Nos blogs, facebook, twitter e afins, não aprendemos nada de novo, não temos opiniões frescas. ficamos a conhecer pouco mais que os gostos musicais de cada um.


Não concordo nada com o que diz. Penso que se trata de não saber usar as plataformas. Como este forum é para falar de vinho em vez tecnologia vou abster-me de mais comentários porque ficam fora do âmbito deste forum.

Hugo Mendes Escreveu:

Eu posto, mas não comento os post dos outros e, não reparo que ninguém comenta os meus!


Aqui tem razão.

Mas o problema parece ser internacional:

Para quem quiser ler o artigo todo:

http://goodgrape.com/index.php/articles ... _bloggers/

Para quem quiser ficar pelo sumário executivo:

"Wineblogs, on the other hand, seem to prefer isolation. I read about 30 wine blogs a day and there is virtually no traffic between them. No one ever links to Joe’s Wineblog and writes, “I read this over at Joe’s and I think Joe is a genius/moron/seer of visions.”

Esta frase é bastante elucidativa, porque por exemplo em sites de tecnologia é frequente referenciar links e autores, bem como denegrir, criticar ou galardoar o trabalho/opinião de outros.

"All of which leads me to believe that winebloggers do not, in general, value interconnectedness with other wine blogs"

"Status in wine(blogs) is dependent on being authoritative, and that’s interpreted by many as being omniscient. Linking to others is interpreted by some as admitting a lack of knowledge."

"Readers never get a sense of how big and lively the wineblog universe is."

_________________
http://www.drinkedin.blogspot.com/

Twitter:
http://twitter.com/drinkedin

O maior grupo de vinho Português mundial no Twitter

http://www.twibes.com/group/drinkedin

Drinkedin no Facebook:

http://www.facebook.com/Drinkedin.fanpage


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 0:57 
Avatar do utilizador

Registado: Sexta Fev 13, 2009 12:29
Mensagens: 1429
Localização: Tá-me a dar uma moleza e estes maganos na se calam
Depois do efeito Tampão, parece que também existe o efeito TAMPAX.

O dito efeito genericamente falando, tal como o ácido acetilsalicílico (genérico)... resume que muitos dos que apregoam falhas, faltas, incapacidades, problemas... aos blogs, são aqueles que ao mesmo tempo são incapazes de mencionar as ditas soluções para tudo o que apontam.

Ou seja, absorvem o problema, momentaneamente parece que têm a solução... mas passado um tempo volta tudo ao mesmo.

_________________
Alentejo, uma paixão.
http://copod3.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 2:48 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
Alentejano Escreveu:
Depois do efeito Tampão, parece que também existe o efeito TAMPAX.

Ou seja, absorvem o problema, momentaneamente parece que têm a solução... mas passado um tempo volta tudo ao mesmo.


Oh Alentejano, mais rigorosamente passado quase um mês.... :lol: :lol: :lol:

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 3:55 
Avatar do utilizador

Registado: Quarta Ago 05, 2009 5:11
Mensagens: 1708
Ligurio Escreveu:



"Wineblogs, on the other hand, seem to prefer isolation. Quando há uns vinhos porreiros para provar juntam-se todos.....

... em sites de tecnologia é frequente referenciar links e autores, bem como denegrir, criticar ou galardoar o trabalho/opinião de outros. Isso é o que não falta neste forum...

"Readers never get a sense of how big and lively the wineblog universe is. Ok mas isso é em tudo que meta internet..

"

_________________
http://naofiltrado.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 8:40 
Avatar do utilizador

Registado: Segunda Mar 16, 2009 21:40
Mensagens: 345
Localização: Leça da Palmeira
Alentejano Escreveu:
Depois do efeito Tampão, parece que também existe o efeito TAMPAX.

O dito efeito genericamente falando, tal como o ácido acetilsalicílico (genérico)... resume que muitos dos que apregoam falhas, faltas, incapacidades, problemas... aos blogs, são aqueles que ao mesmo tempo são incapazes de mencionar as ditas soluções para tudo o que apontam.

Ou seja, absorvem o problema, momentaneamente parece que têm a solução... mas passado um tempo volta tudo ao mesmo.


Exactamente .

_________________
http://www.drinkedin.blogspot.com/

Twitter:
http://twitter.com/drinkedin

O maior grupo de vinho Português mundial no Twitter

http://www.twibes.com/group/drinkedin

Drinkedin no Facebook:

http://www.facebook.com/Drinkedin.fanpage


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 8:46 
Avatar do utilizador

Registado: Segunda Mar 16, 2009 21:40
Mensagens: 345
Localização: Leça da Palmeira
Jose_Carlos Escreveu:
Ligurio Escreveu:



"Wineblogs, on the other hand, seem to prefer isolation. Quando há uns vinhos porreiros para provar juntam-se todos.....

... em sites de tecnologia é frequente referenciar links e autores, bem como denegrir, criticar ou galardoar o trabalho/opinião de outros. Isso é o que não falta neste forum...

"Readers never get a sense of how big and lively the wineblog universe is. Ok mas isso é em tudo que meta internet..

"


A malta junta-se porque o pais é pequeno. Já pensou nisso?

Ainda está para aparecer um blog que coloque um post a falar de outro. Salvo erro o Nariz à Boca em algum posts referia informação proveniente de outros blogs. Algo vanguardista no panorama Português. Eu pessoalmente fiz uma única referência ao Infovini no post este ano.

_________________
http://www.drinkedin.blogspot.com/

Twitter:
http://twitter.com/drinkedin

O maior grupo de vinho Português mundial no Twitter

http://www.twibes.com/group/drinkedin

Drinkedin no Facebook:

http://www.facebook.com/Drinkedin.fanpage


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 11:36 
Avatar do utilizador

Registado: Sexta Fev 13, 2009 12:29
Mensagens: 1429
Localização: Tá-me a dar uma moleza e estes maganos na se calam
Se juntam é porque juntam, se não juntam é porque não juntam... se falam é porque falam , se não falam é porque não falam... Em que ficamos ?

Tantos problemas com o que não se inova , não se faz, não isto, não aquilo... e as soluções quais são ? Depois quando se faz alguma coisa, ou devia ser melhor, ou não era bem aquilo, ou faltou ali qualquer coisa que para o ano deverá ficar melhor...

O inovar afinal é o quê ? provar vinhos debaixo de água ? ou será que o inovar é apontar problemas para onde eles não existem e que já parece ser um fenómeno exclusivo de Portugal ?

_________________
Alentejo, uma paixão.
http://copod3.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
 Assunto da Mensagem: Re: O efeito Tampão
MensagemEnviado: Sexta Dez 11, 2009 11:50 

Registado: Domingo Fev 15, 2009 14:45
Mensagens: 287
Localização: Alcochete
Alentejano Escreveu:
Se juntam é porque juntam, se não juntam é porque não juntam... se falam é porque falam , se não falam é porque não falam... Em que ficamos ?

Tantos problemas com o que não se inova , não se faz, não isto, não aquilo... e as soluções quais são ? Depois quando se faz alguma coisa, ou devia ser melhor, ou não era bem aquilo, ou faltou ali qualquer coisa que para o ano deverá ficar melhor...

O inovar afinal é o quê ? provar vinhos debaixo de água ? ou será que o inovar é apontar problemas para onde eles não existem e que já parece ser um fenómeno exclusivo de Portugal ?


clap, clap, clap, clap, clap e em pé!

Xarax, tens que arranjar um smile para as palmas. É possível?

Alentejano, às vezes, recordo aquele anúncio do ferrero rocher. :D

_________________
Pingus Vinicus em Pingas no Copo
http://pingasnocopo.blogspot.com/


Topo
 perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
   [ 36 mensagens ]  Ir para página 1, 2  Próximo

Todos os horários são GMT


Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Google [Bot] e 4 visitantes


Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar mensagens: Proibído
Apagar mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Ir para:  
cron
MEDIA CAPITAL EDIÇÕES QUEM SOMOS | CONTACTOS | POWERED BY phpBB
© 2009 REVISTA DE VINHOS